booked.net

Longa “O Tabaréu Urbano” conta histórias do cotidiano feirense

Por Jessica Moura - 11 de fevereiro de 2020

O filme será lançado ainda no ano de 2020

Com uma história que se assemelha com o cotidiano feirense, o filme “O Tabaréu Urbano”, dirigido por Ícaro de Oliveira, conta a saga de um homem do campo em um dia de segunda-feira em Feira de Santana. Valorizando a cultura local e enaltecendo as raízes da cidade, o filme será lançado ainda em 2020.

O longa-metragem narra cenas de um dia na vida de um matuto sertanejo que se aventura na cidade. O filme, que se passa na zona urbana e rural de Feira de Santana, traz a realidade do homem que vive entre o campo e a cidade. “A ideia basicamente é tratar deste personagem interiorano do sertão, muitas vezes tratado por “tabaréu” pela sua maneira simples de viver, em contraponto com suas experiências ao deslocar-se para a zona urbana. Mostrando situações e causos do seu cotidiano”, explica o cineasta e diretor do filme, Ícaro de Oliveira.

O aspecto histórico do lugar inspirou o título do filme que lança um olhar humano sobre o cotidiano dos moradores, viajante e flutuantes da cidade. “O Tabaréu Urbano” conta com nomes consagrados do cenário baiano e nacional, entre eles: o mestre Asa Filho, o comediante Pisit Mota, o músico Pedro Pondé e o compositor e ex-parceiro musical de Raul Seixas, Wilson Aragão. Além destes, também tem nomes locais como Guda da Matinha, Dona Chica do Pandeiro, Marcia Villar e Eduardo Borges.

Realizado pela produtora independente Atelier Filmes, o filme conta com o apoio financeiro de diversas empresas privadas e alguns editais públicos, entre eles o Laboratório Análise e o Pró Cultura Esporte e Lazer de Feira de Santana. Prestes a ser finalizada, a obra que já gera grande expectativa será lançada brevemente em território nacional nos cinemas e em diversas plataformas, além de circular internacionalmente através de mostras e festivais.

Ficha técnica:

Direção: Ícaro de Oliveira
Roteiro: Asa Filho
Imagens: Ícaro de Oliveira, Augusto Bortolini e Arivaldo Publio
Montagem: Augusto Bortolini
Som Direto: Breno Tsokas
Desenho de Som: Pedro Patrocínio
Base do Elenco: Asa Filho, Pisit Mota, Pedro Pondé e Wilson Aragão

 

 

Leia também